Brasão

Escudo vermelho, que simbolicamente faz referência à permanência muçulmana nesta região.

O respiradouro de aqueduto de ouro, é uma alusão aos muitos respiradouros ou clarabóias, de um aqueduto subsidiário do aqueduto das Águas Livres, existente na área da Freguesia. Apresenta-se iluminado de azul, para lembrar as nascentes de água e a sua circulação nas condutas.

O crescente de prata, é uma evocação ao topónimo moçarábico "Maçamá" (termo oriundo do árabe "Mactamã"), que se traduz por "lugar onde se toma água" ou "fonte", e releva simbolicamente a permanência muçulmana na região.

As duas espigas de trigo de ouro, com os pés passados em aspa e atados de azul, pretendem recordar que esta região foi em tempos muito fértil, chegando a ser considerada uma das melhores zonas de produção de trigo do nosso país.

A campanha ondada de prata, azul e prata, é uma referência às três linhas de água que atravessam a Freguesia e à riqueza do seu subsolo em extensas reservas de água, que reforçam a origem moçarábica do topónimo "Massamá". A coroa mural de prata de três torres, está estabelecida para as freguesias que não tenham a sua sede numa Vila. O listel é branco, com a legenda em letras negras maiúsculas "MASSAMÁ".

Bandeira

Amarela, com o Brasão sobreposto. Cordões e borlas de ouro e vermelho. Haste e lança de ouro. A cor amarela pretende lembrar as grandes produções de trigo que se faziam nesta região e que constituíam uma das suas maiores riquezas.

Selo

Nos termos da Lei, com a legenda:

JUNTA DE FREGUESIA DE MASSAMÁ - SINTRA

Saturday the 20th.